A vaca lambeu! – Parte I

Padrão

Booa tarde meus queridos, como estamos? Hoje resolvi tomar vergonha na cara e começar essa série de posts falando sobre alisamentos, relaxamentos e afins. Por isso a brincadeira com o título!

Vale lembrar que eu mesma nunca fiz nenhum alisamento, apenas a defrisagem da Zene, que não alisa propriamente, por isso as informações serão um mix de depoimentos de pessoas que fazem alisamentos/relaxamentos/progressivas, a parte cientifica [como o produto age no cabelo, suas consequencias e afins] e um pouco da boa e velha sabedoria popular.

Vou dividir o assunto em 3 posts subtópicos: Os Princípios do Alisamento, Alisantes/Relaxantes e Cuidados com o Cabelo Alisado.

E vamos ao primeiro tópico, e já aviso que este é o mais chatinho e sonolento, mas é muito importante saber dessas informações pra saber do que o seu cabelo precisa e não ser enganado pelas moças simpáticas das perfumarias, sedentas pra te empurrar produtinhos que não vão resolver seu problema!

Os principios do Alisamento

Antes de mais nada, não pense que eu vou falar dos valores dos alisantes, ok? Há, piadinhas horríveis a parte, nesse subtópico vou falar como o cabelo fica liso, que processos quimicos ele sofre e a importância de certos componentes na hora de ‘lamber’ suas madeixas.

O alisamento nada mais é que uma reorganização da estrutura capilar. Nosso cabelo é composto majoritariamente por proteínas, que formam ligações internas que mantém a estrutura do fio. O componente alisante tem a função de quebrar essas ligações, fazendo com que o cabelo possa ser remodelado a partir de então.

O processo de quebra se dá pelo agente quimico do alisante, podendo ser mais intenso ou mais suave dependendo de sua formulação. Esse agente eleva o ph do cabelo, abrindo suas escamas e permitindo a entrada do mesmo no cortex capilar, onde as ligações se encontram. Uma vez no cortex, esse alisante vai rompendo as ligações loucamente, até que ele seja parado. Essa é uma vantagem do alisante, você pode escolher o quanto quer alisar o cabelo, ou se quer apenas cachos mais soltos.

Só que tem um baita de um porém. Essa reação quimica precisa ser parada, pois ela só se completa quando todas as ligações estiverem rompidas. E as ligações todas rompidas resultam em quê? Cabelos suuuuuuper elásticos.

É nesse momento que entra dois componentes muito importantes: o neutralizante e a pessoa que está aplicando o alisante. O neutralizante tem o poder de parar a reação quimica, não deixando que o produto coma todo seu cabelo por dentro, e a pessoa que aplica tem que ficar extremamente atenta para o momento certo de retirar o alisante do cabelo e fazer a neutralização, do contrário você pode acabar com o cabelo parecendo chiclete repuxado e derretido.

ZZZZZZZZZZZZ… Eu sei que deu sono!

Você já deve ter se deparado com um cabelo que sofreu com um alisamento mal-feito, que deixa as pontas do cabelo super ralinhas e o cabelo fica liso, mas com aparência espigada.

Bem, já deu pra perceber que não é assim tão simples alisar o cabelo,não é mesmo? E que o processo é bem danoso ao fio, pois a ação quimica do alisamento ‘come’ uma grande quantidade de massa capilar.

MAS CALMA!

Tia Julia vai explicar no próximo post sobre a intensidade dos alisamento/relaxamento para você decidir qual se enquadra melhor nas suas vontades e, depois da lambança, falarei de como evitar o temido cabelo-chiclete e de que cuidados uma pessoa com cabelo alisado deve ter, ok?

E não esqueçam de me dizer suas dúvidas nos comentários, assim dá pra fazer um esquema bem completo e colaborativo, que vocês acham?

Anúncios

»

  1. Meu cabelo é muito cacheado e cheio, coisa de ser uma criança zuada no colegio por isso. Fazia alisamento em salão, mas quando o cabelo tava grande sempre tinha que cortar, porque começava a cair loucamente e ficava estranho.
    Depois de velha passei a fazer em casa, a guanidina. So parei e usar ela pq eu comecei a descolorir, então comecei a progressiva. Faço em casa também, não fica tão liso mas deixa a escova bem mais natural.

  2. Ju, adorei a idéia e vou adorar todos os posts, ADORO!
    3 “lisas” fazendo um blog só podia dar nisso, né, nenhuma manja por experiencia propria sobre alisamento…
    eu só faço selante/progressiva muuuuito raramente e pra fechar as escamas.
    mas quero mto ler tudo sobre
    (e nem dormi!)

    bjo, raki.

  3. OI JU,
    ESTOU ADORANDO SUAS MATÉRIAS QUE ESTÃO SEMPRE MUITO ENRIQUECEDORAS..
    O MEU CABELO É CRESPO E EU CONSEGUI SAI DA GUANIDINA E HJ SÓ USO A ESCOVA SEM FORMOL COM ÓLEO DE ARGAN!! MEU CABELO HJ É OUTRO NÃO CAI MAIS E ESTÁ SEMPRE MUITO BEM TRATADO.. TB EU ESTOU SEMPRE HIDRATANDO ELE NÉ.. E COMO VENDO PRODUTOS PARA SALÃO TENHO A FACILIDADE DE COMPRAR BONS PRODUTOS PARA CUIDAR DE MINHAS MADEIXAS…

    EU QUE USAVA GUANIDINA E DEPOIS PROGRESSIVA COM FORMOL..
    HJ ESTOU LIBERTA DESSE MAL……………….

    APENAS ESCOVA SEM FORMOL E COM ÓLOE DE ARGAN.. MEUS CABELOS ME AGRADECEM!!!!
    BJS

  4. Ah, não fiquei com sono não! Achei super interessante.
    Depois de aprender o processo, fico ainda mais receosa de ir fazer qualquer química nos salões da vida por aí. Não confio em nenhum! ‘-‘

    Queria tentar alguma coisa, mas mooorro de medo desses cabeleireiros DUMAL estragarem meu cabelo de propósito pra me fazer voltar. Sou super adepta ao DIY, e quando não dá certo, pelo menos eu tenho que lidar apenas comigo mesma… 😉

  5. Adorei o post.
    morro de duvidas sobre o lado positivo e negativo da progressiva.
    Meu cabelo tem progressiva com formol e cai muitoooooo. Ja faz 4 meses que não aplico novamente. até por que meu cabelo sempre foi seco e com a progressiva ele virou puro oleo.

    Agora que decidi descolorir não sei o que sera realmente bom pro meu cabelo. Ja ajuda se eu não ficar careca. haushuah

    Alias, devo me preocupar com hidratar antes de fazer outra progressiva ou pode ser depois?

    bjus

  6. Esperando a continuação dos posts! Ficou muito e não seu sono MEEESMO.
    Cê escreve super bem, Ju. =]
    E uma perguntinha de leiga-cacheada: minha mãe tá afeem de alisar o cabelo chadeadão e tal, ela cuida regularmente, o que é recomendado fazer na semana antes de alisar? Hidratar? Nutrir? Reconstruir?

    Bjao

Deixe um comentário ;)

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s